Skip to main content

Posts

Showing posts from May, 2009

JIMMY DAWKINS e JIMMY JOHNSON em BLUESTIME (25 Maio 2008)

Os dois Jimmies que estarão no BLUESTIME dessa segunda são guitarristas excepcionais que surgiram na mesma cena do West Side de Chicago que, no início dos anos 60, projetou para o mundo talentos fabulosos como OTIS RUSH, MAGIC SAM, LUTHER ALLISON e BUDDY GUY, mas que acabaram tendo carreiras atrapalhadas e errantes.

Mesmo assim continuam na ativa até hoje, correndo o mundo com suas guitarras em punhos.

JIMMY DAWKINS nasceu em Tchula, Mississipi em 1936, aprendeu a tocar guitarra ainda menino, e se mudou para Chicago aos 19 anos para ser músico de blues. Sempre soube o que queria ser quando crescer.

Logo conheceu o cantor e gaitista Big Boy Arnold, com quem iniciou uma parceria que incendiou por muitos anos alguns dos piores inferninhos de Chicago. Foi nessa época que ganhou de seus fãs o apelido "fast fingers".

Depois de trabalhar como sideman nos discos de alguns amigos, e ver muitos de seus colegas do West Side gravarem discos e ganharem notoriedade pelo país inteiro, Jimmy Da…

PAUL RISHELL & ANNIE RAINES em BLUESTIME (11 Maio 2009)

O guitarrista Paul Rishell e gaitista Annie Raines tem sido uma das atrações mais legais da cena de Boston, Massachussets, nos últimos 17 anos, e já faturaram o cobiçado Prêmio W C Handy mais de uma vez.

É uma dupla muito interessante. Apesar de Paul ser 20 anos mais velho que Annie, um sempre teve tudo a ver com o outro.

Fascinados pelos diversos estilos de blues acústico surgidos antes de Segunda Guerra Mundial, eles dominam um repertório extremamente vasto, que inclui desde “Key to the Highway” de Big Bill Broonzy até pérolas pouco conhecidas de artistas como Barbeque Bob e Peg Leg Howell.

Curiosamente, isso não os impede de mesclar esses blues quase seculares com versões acústicas de clássicos do blues de pós-guerra que ficaram famosas em gravações de Muddy Waters, Howlin' Wolf e Magic Sam, entre muitos outros.

Paul se escolou tocando com vários de seus heróis, como Son House, Bonnie Raitt, Chris Smither e Howlin’ Wolf.

Já Annie foi a primeira gaitista do sexo feminino a acompan…